entretenimiento Publicado em 19/03/2012

Comer muita caloria provoca transtorno cognitivo

Fast-food

Até o momento tinha pesquisado sobre as consequências das dietas sobre a atividade cerebral, mas um grupo de neurologistas decidiram investigar os efeitos de comer habitualmente produtos de alto conteúdo calórico e seu vínculo com o deterioro cognitivo leve e descobriu que uma má alimentação não só é nociva para o corpo senão também para o cérebro.

A análise, patrocinado pela fundação Robert Wood Johnson e pelo Programa de Investigação da Doença de Alzheimer, realizou-se sobre 1.233 habitantes do condado de Olmsted, em Minnesota. Os voluntários foram pessoas de entre 70 e 89 anos que informaram aos pesquisadores sobre o consumo de calorias do último ano através de um questionário sobre frequência alimentar.

As respostas dividiram-se em três categorias: de 600 a 1526 quilocalorias (kcal), de 1526 a 2142,5 kcal; e de 2.142,5 a 6000 kcal. Entre os dois primeiros, não tinha diferenças significativas.

No entanto, as pessoas cujo consumo pertencia ao terceiro grupo registraram uma probabilidade duas vezes maior de ter deterioro cognitivo leve que os demais.

Os pesquisadores observaram que existia um padrão de dose, resposta que aumentava as possibilidades de perda de memória.

Jessica — Redatora e revisora
Tópicos: > >
comentários 0
Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Bulhufas.com reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada. Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.
mais titulares ao azar

Publicidade