mundo Publicado em 18/06/2011

Brasil impulsiona um plano agrícola milionário

brasil agricultura

O Plano Agrícola e Pecuário 2011-2012, lançado numa cerimônia oficial na cidade de Ribeirão Preto, buscará elevar a produção desde o recorde de 161,5 milhões de toneladas na colheita 2010-2011 até 169,5 milhões de toneladas na que começa a ser recolhida em julho.

Brasil tentará assim se consolidar como um dos maiores geradores de alimentos do mundo, garantir o abastecimento interno e aumentar as exportações, que na atualidade representam cerca do 40% de todas suas vendas externas.

Entre os objetivos principais do plano de apoio aos produtores rurais também se encontra o de manter os preços internos e evitar que a possível escassez de algum bem possa pressionar a inflação.

No ato, Dilma Rousseff assegurou que seu governo deve “lhes oferecer aos produtores brasileiros as mesmas armas” com as que contam os internacionais. “Temos que lhe garantir ao setor agrícola o financiamento adequado. O 80% de os recursos será oferecido com taxas de interesse de até o 6,57%”, agregou.

A mandatária destacou que o Brasil é um dos poucos países no mundo com capacidade para aumentar sua produção agrícola sem destruir suas selvas. “Se queremos ser uma potência agrícola, temos que ser também uma ambiental”, afirmou.

Os créditos oferecidos estão condicionados a que os agricultores se comprometam a adotar práticas de produção sustentável e de baixa emissão de gases contaminantes.

“Vamos financiar, com grandes benefícios ambientais e econômicos, a recuperação de pastagens”, afirmou o ministro de Agricultura, Wagner Rossi, em referência aos cerca de 1,5 milhões de hectares atualmente desaproveitadas.

Os criadores de gado terão acesso a empréstimos para adquirir reprodutores e matrizes de bovinos e búfalos de melhor qualidade genética para renovar os lotes de Brasil, que é o maior produtor e exportador mundial de carnes.

Jessica — Redatora e revisora
comentários 0
Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Bulhufas.com reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada. Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.
mais titulares ao azar

Publicidade